CONSULTE UM DOS
NOSSOS ESPECIALISTAS
SEM NENHUM CUSTO

Na era da conectividade o marketing digital se transformou na melhor maneira de conquistar clientes e alavancar negócios. Tradicionalmente, o carro chefe de uma estratégia online são os websites, mas desenvolvê-los exige investimento, tempo e principalmente conhecimento técnico por parte dos programadores de TI.

Para desenvolver soluções de TI, é preciso ter domínio e saber diferenciar alguns elementos fundamentais que fazem parte do processo. Alguns, como API, Biblioteca e Framework, apesar de distintos, são conceitos que se somam e por vezes se confundem, no entanto, são importantíssimos para a construção não só de websites, como também de softwares, aplicativos mobiles, etc.

API

API ou interface de programação de Aplicações, é um software desenvolvido para oferecer uma interface com regras estabelecidas para integração entre sistemas. Ela é a documentação que determina como um programador pode realizar uma tarefa através de uma biblioteca e a maneira como seu código se relaciona com ela.

Biblioteca

Biblioteca é um conjunto de funções, normalmente organizadas em classes, que podem ser usadas para a construção de softwares, simplificando a linguagem de programação. Há diversas classes de bibliotecas, com finalidades diferentes, como acesso a banco de dados, manipulação de imagens, entre tantas outras. Elas são a base para criação dos frameworks.

Frameworks

são plataformas de desenvolvimento que dão um suporte consistente padrão para a construção de uma aplicação e que, por meio de programação permitem customizar funcionalidades tornado-as específicas de acordo com a aplicação. Ele pode ser construído usando várias bibliotecas e integrado a APIs de modo a constituir uma estrutura ideal para o desenvolvimento pretendido, e são usados principalmente por agilizarem o desenvolvimento.

No mercado existem várias linguagens e frameworks, como JavaScript, Java,HTML, CCS, PHP, Python e Ruby.

 

 



cadastre-se e receba novidades